“Colméia viva de cristianismo prático”: um projeto de envolvimento dos membros no evangelismo
PDF

Palavras-chave

crescimento
envolvimento dos membros
dons espirituais
“Colméia”.

Como Citar

Messias, G. (2007). “Colméia viva de cristianismo prático”: um projeto de envolvimento dos membros no evangelismo. Kerygma, 3(1), 51. Recuperado de https://revistas.unasp.edu.br/kerygma/article/view/279

Resumo

Apesar do número de adventistas aumentar significativamente a cada ano, estudos recentes apontam que o adventismo não tem um crescimento maior pelo fato de apenas 20% dos seus membros estarem envolvidos na missão da denominação. Esta estatística parece mostrar que, dentro da Igreja Adventista, uma minoria dos fiéis está sobrecarregada e uma maioria, ociosa. O presente estudo se propõe a verificar como um projeto de envolvimento dos membros, que enfatize o uso dos dons, poderia contribuir para o cumprimento da missão adventista. Para isso, se vale de uma análise do sistema evangelístico “Colméia Viva de Cristianismo Prático”, desenvolvido no distrito pastoral de Vila Rodrigues, na cidade de Osasco, em São Paulo. Essa proposta sugere que os departamentos já instituídos na igreja adventista local não somente atendam o público interno, mas também atuem na comunidade. O projeto apresentou resultados positivos nas igrejas que o aplicaram, dobrando a participação dos seus membros no evangelismo e aumentando significativamente o número de batismos no ano.
PDF

Referências

Allen, Clifton J. Efésios, Comentário bíblico Broadman. Rio de Janeiro: Junta de Educação Religiosa e Publicações, 1990.

Analytical Greek Lexicon. Peabody, MA: Hendrickson Publishers. 435, ver “Karismata”.

_______ Peabody, MA: Hendrickson Publishers 433, ver “Kairo”.

Beare, Franscis W., Exposition of the book of Ephesians, Interpreter´s Bible. New York: Abingdon Press, 1953.

Burril, Russell. Revolução na igreja. Almargem do Bispo, Portugal: Publicadora Atlântico S.A., 1999.

Champlin, Russell N. O Novo Testamento interpretado. 4 vols. São Paulo: Editora Hagnos, 2002.

Crisler, C. C. Organization, its Character, Purpose, Place and Development in the Seventh-day Advenstist Church. Takoma Park,

Washington D.C.: Review and Herald Publishing Association, 1938.

Douglass, Herbert E. Mensageira do Senhor, O ministério profético de Ellen Gold White. Tatuí, SP: Casa Paublicadora Brasileira, 2003.

Endruveit, Wilson H. Movimento carismático. Petrópolis, RJ: Instituto Petropolitano Adventista de Ensino, 1976.

Filho, João A Souza. de Dons espirituais – O poder de Deus em você. Belo Horizonte, MG: Editora Atos, 1999.

Foulkes, Francis. Efésios introdução e comentários – Série Cultura Bíblica, 2° Edição. São Paulo: Sociedade Religiosa Edições Vida Nova e Associação Religiosa Editora Mundo Cristão, 1983.

“Fourteenth Year” [I Co 14:2], Seventh-day Adventist Bible Dicionary, (SDABC) ed. Francis D. Nichol, Hagerstown, MD: Review And Hehald, 1946, 6:789-791.

Gomez, Elias G. Movimentacion laica. São Paulo: Instituto Adventista de Ensino, 1995.

Grudem, Wayne A. The First Epistle of Peter. Michigan, Eesdmans, 1998.

Kornfield, David. Desenvolvimento, dons espirituais e equipes de ministério. São Paulo: Editora Sepal, 1998.

Knight, George R. Uma igreja mundial. Tatuí, SP: Casa Paublicadora Brasileira, 2000.

________ Organizing to Beat the Devil – the Development of Adventist Church Struture Hagerstown, MD: Review and Herald Publishing Association, 2001.

Kosmin, Barry A., Egon Mayer e Ariela Keysar, American Religious Identification Survey. New York, The Graduate Center of the City University of New York, 2001.

Lessa, Rubens S. “Adventistas de 203 países participam da 58º sessão da Associação Geral”. Revista Adventista, Agosto de 2005.

Lincoln, Andrew T. Ephesians, Word Biblical Commentary. Dallas, TX: Word Books, 1957.

Manual de Atividades, “Lar – Campo para Sementes... Frutos para Eternidade”, do Ministério da Família da Associação Paulistana do ano de 2002.

Manual da Igreja Adventista do Sétimo Dia. Tatuí, SP: Casa Paublicadora Brasileira, 2005.

Nisto cremos. Tatuí, São Paulo: Casa Publicadora Brasileira, 1995.

Oliveira, Enoch de. A mão de Deus ao leme. Santo André, SP: Casa Publicadora Brasileira, 1985.

Oliver, Barry D., SDA Organizational Structure: Past, Present and Future. Ausdds 15, Berring Spring: Andews University Press, 1989.

Reis, Emilson dos. “Dons Espirituais”. Revista Adventista, Janeiro de 2004, 12.

Rocha, José Miranda. Organização e administração eclesiástica. Uma monografia para o SALT “Seminário Adventista Latino-Americano de Teologia sede Brasil Sul”, segundo semestre de 2006, 1-2.

Rusconi, Carlo. Dicionário do grego do Novo Testamento. São Paulo: Paulus, 2005.

Schwarz, Christian A. O Teste dos seus dons, Série: O Desenvolvimento Natural da Igreja. Curitiba, PR: Editora Evangélica Esperança, 1997.

________ As 3 cores dos seus dons. Curitiba, PR: Editora Evangélica Esperança, 2003.

________ Christian A. O desenvolvimento natural da igreja. Curitiba, PR: Editora Evangélica Esperança, 1996.

Stott, John R.W. A mensagem de Efésios. São Paulo: Abu Editora, 1994.

Timm, Albert R. O Santuário e as três mensagens angélicas. Engenheiro Coelho, SP: Imprensa Universitária Adventista, 2002.

________ “Seventh-day Adventist Ecclesiology, 1844-2001: A Brief Historical Overview”, Pensar en la iglesia hoy: Hacia una eclesiologia Adventista. Entre Rios, AR: Editorial Universidad Advesntista Del Plata Libertador San Martín, 2002.

________“Podemos ainda ser considerados uma igreja missionária”. Revista Adventista. Fevereiro de 2002.

Wagner, C. Peter. Descubra seus dons espirituais. São Paulo: Editora Abba Press, 1995.

Warren, Rick. Uma igreja com propósitos. SP: Editora Vida, 1958.

Welch, W. Wilbert. Primeira Epistola de Pedro. São Paulo: Imprensa Batista Regular, 1978.

White, Ellen G. Administração eficaz. Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2002.

________ Atos dos apóstolos. Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 1999.

________ Beneficência social. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 1996.

________ Este dia com Deus, Meditação matinal. Santo André, SP: Casa Publicadora Brasileira 1980.

________ Filhos e filhas de Deus, Meditações diárias. Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2004.

________ A maravilhosa graça de Deus, Meditação matinal. Santo André, SP: Casa Publicadora Brasileira, 1974.

________ Paulo o apóstolo da fé e da coragem. São Paulo: Certeza Editora, 2004.

________ Serviço cristão. Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2004.

________ Testemunhos para ministros. Tatuí, SP: Casa Paublicadora Brasileira, 1993.

________ “The Judgments of God on our Cities”, The Review and Herald July 5, 1906.

Zackrison, James. “Dons Espirituais – Chave para o Ministério”. Lição da Escola Sabatina, Janeiro-Março de 1997.

WEBGRAFIA

Biazzi, Sidionil “Colméia viva do cristianismo prático”. Pesquisa realizada na Internet, no site http://www.colmeiaviva.org.br, no dia 15 de Outubro de 2006.

Conferência Geral, “Estatísticas mundial da igreja”. Pesquisa realizada na internet, no site http://www.adventiststatistics.org/view_Summary.asp?FieldAbr=GC, no dia 12 de Novembro de 2006.

Portal Adventista, “Declaração de Missão”. Pesquisa realizada na internet, no site http://www.igrejaadventista.org.br/sobreadventistas.asp, no dia 12 de Novembro de 2006.

Wikipédia a enciclopédia livre. “Igreja Adventista do Sétimo Dia”. Pesquisa realizada na internet, no site

http://pt.wikipedia.org/wiki/Igreja_Adventista_do_ S%C3% A9timo_Dia, no dia 30 de Agosto de 2006.

________ “Organização Mundial da Saúde”. Pesquisa realizada na internet, no site http://pt.wikipedia.org/wiki/Igreja_Adventista_do_ S%C3% A9timo_Dia, no dia 20 de Novembro de 2006.

Declaro (amos) que a revista Kerygma está autorizada a publicar e alterar o texto inédito e original de minha (nossa) autoria, submetido para avaliação deste periódico, a fim de "maximizar a disseminação da informação". Concordo (amos) em compartilhar os direitos autorais a ele referentes com a Unaspress e com o Unasp, sendo que seu “conteúdo, ou parte dele, pode ser copiado, distribuído, editado, remixado e utilizado para criar outros trabalhos, sempre dentro dos limites da legislação de direito de autor e de direitos conexos”. 

Reconheço (Reconhecemos) ainda que Kerygma está licenciada sob uma LICENÇA CREATIVE COMMONS - ATTRIBUTION 4.0 INTERNATIONAL (CC BY 4.0) e que esta obra também estará licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional, caso seja aceita e publicada.

Dito isto, PERMITO (PERMITIMOS) que as instituições citadas acima remixem, adaptem, criem e distribuam, a partir deste trabalho, mesmo que para fins comerciais, desde que atribuam o devido crédito ao (s) autor (es) pela criação original.

Downloads

Não há dados estatísticos.