Ética e Religiosidade em Edgar Morin

Autores

DOI:

https://doi.org/10.19141/1809-2454.kerygma.v17.n1.pe01406

Palavras-chave:

Complexidade, Ética, Religiosidade

Resumo

O presente artigo procura analisar a forma pela qual se encontra a religiosidade no pensamento de Edgar Morin. Apresenta a hipótese de que existe no pensamento de Morin uma perspectiva religiosa, que é acessada por meio da ética. Desta forma, o religioso em Morin necessita de um estudo crítico, cuja epistemologia está pautada na Teoria da Complexidade, religando os diversos saberes, conforme propõe Morin, onde a complexidade também possa considerar a necessidade e a presença de um ethos global e integral, incluindo a dimensão religiosa do ser humano. A partir da concepção de que toda religião possui uma ética, então, todas as religiões podem trabalhar para o crescimento integral do ser humano de forma ética e complexa como defende Morin.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Robson Stigar, Faculdade Herrero, Paraná, (Brasil). Antigo Mosteiro Trapista Nossa Senhora De Maristela, São Paulo, (Brasil)

Doutor em ciência da religião pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – PUC, São Paulo, (Brasil). Professor da Faculdade Herrero, Paraná e do Antigo Mosteiro Trapista Nossa Senhora De Maristela, São Paulo.

Referências

ALMEIDA, C. R. S. et al. Pensamento complexo nos caminhos da educação. In: PETRAGLIA, I. C. Estudos de Complexidade. v. 1. São Paulo: Xamã, 2006.

ALMEIDA, C. R. S. A filosofia como uma das fontes do pensamento complexo de Edgar Morin: a importância da dialógica cultural. Revista Científica Eccos, n. 38, p. 189-200, set.-dez., 2015.

ALMEIDA, M. C.; CARVALHO, E. A. Cultura e pensamento complexo. Porto Alegre: Sulina, 2012.

CARVALHO, E. A. (Org.). Ética, solidariedade e complexidade. São Paulo: Palas Athena, 2000.

CASTRO, G.; CARVALHO, E. A.; ALMEIDA, M. C. (Orgs.). Ensaios de complexidade. 3. ed. Porto Alegre: Sulina. 2002.

CASTRO, E. A. O pensamento complexo e a formação da autoética. Filosofia da Educação, n. 17, 2013.

CRUZ, G. R. Antinomias do conceito de autoética, de Edgar Morin, a partir dos pressupostos teóricos do materialismo dialético. Conjectura, v. 19, nº 1, p. 75-88, jan.-abr. 2014.

LORENZO, C. Resenha: O Método 6: ética. Ciência e saúde coletiva, v. 13, n. 2, 2008.

MARTINAZZO, C. J. O desafio ético da educação escolar na era planetária: repensando a ética a partir do entendimento do pensamento complexo. Impulso, v. 24, n. 61, p. 129-138, set.-dez. 2014.

MORIN, E. A cabeça bem-feita: repensar a reforma, reformar o pensamento. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2000.

MORIN, E. Complexidade e a ética da solidariedade. In: CASTRO, G. de (Coord.). Ensaios de complexidade. Porto Alegre: Sulina, 1997.

MORIN, E. Ética, solidariedade e complexidade. São Paulo: Palas Athena, 1998.

MORIN, E. Ética, cultura e educação. Organização de Alfredo Pena-Veiga, Cleide R. S. de Almeida e Izabel Petráglia. São Paulo: Cortez, 2003.

MORIN, E. O método 1: a natureza da natureza. 2ª ed. Porto Alegre: Sulina, 2005.

MORIN, E. O método 2: a vida da vida. Porto Alegre: Sulina, 2005.

MORIN, E. O método 3: o conhecimento do conhecimento. Porto Alegre: Sulina, 2005.

MORIN, E. O método 4: as ideias, habitat, vida, costumes, organização. Porto Alegre: Sulina, 2005.

MORIN, E. O método 5: a humanidade da humanidade. Porto Alegre: Sulina, 2003.

MORIN, E. O método 6: ética. Porto Alegre: Sulina, 2005.

MORIN, E. O paradigma perdido: a natureza humana. Lisboa: Europa-América, 2000.

OLIVEIRA, A. F. Religião e complexidade: uma aproximação ao pensamento complexo – Contribuições e possibilidades ao estatuto epistemológico das ciências da religião. Dissertação (Mestrado em Ciências da Religião) – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. São Paulo, 2005.

PETRAGLIA, I. C. Edgar Morin: a educação e a complexidade do ser e do saber. 10. ed. revista e ampliada. Petrópolis: Vozes, 1995.

QUEIROZ, J. J. A ética na “era do vazio”, as críticas de Zigmunt Bauman e as perspectivas apontadas por Edgar Morin. In: ALMEIDA, C.; PETRAGLIA, I. C. Estudos de Complexidade. v. 4. São Paulo: Xamã, 2010.

QUEIROZ, J. J. et al. Educação, conhecimento e pensamento complexo. In: ALMEIDA, C.; PETRAGLIA, I. C. Estudos de Complexidade. v. 3. São Paulo: Xamã, 2009.

RIBEIRO, J. P.; ALMEIDA, M. C. V.; BORGES, A. M. Resenha do livro O Método 6 – A Ética. Revista de Enfermagem da UFPE, 2012.

SANTOS, M. A. S. Por uma nova ética da compreensão e da tolerância. BOCC-UBI, Porto, 2011.

SOUZA, M. F. C. Diálogo inter-religioso e direitos humanos: desafios e perspectivas à luz da ética da compreensão de Edgar Morin. Anais do Congresso ANPTECRE, v. 5, 2015.

TRINDADE, A. F. G. Práticas pedagógicas que pensam a ética da vida com crianças e jovens: buscas e reflexões a partir da bioantropoética e da matriz biológico-cultural da existência humana. Dissertação (Mestrado em Educação) – Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, 2011.

ZUCHI, C. M. Diálogo epistemológico e ético em uma perspectiva reflexiva de Edgar Morin. Revista de Ciências Humanas – Educação, v. 18, n. 30, p. 136-151, jul. 2017.

Downloads

Publicado

2022-05-19

Como Citar

STIGAR, R. Ética e Religiosidade em Edgar Morin. Kerygma, Engenheiro coelho (SP), v. 17, n. 1, p. e01406, 2022. DOI: 10.19141/1809-2454.kerygma.v17.n1.pe01406. Disponível em: https://revistas.unasp.edu.br/kerygma/article/view/1406. Acesso em: 3 mar. 2024.

Edição

Seção

Artigos Livres