APOCALIPSE 20

UMA BREVE HISTÓRIA DA DOUTRINA MILENARISTA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.19141/1809-2454.kerygma.v15.n1.p6-23

Palavras-chave:

milenarismo, escatologia, Apocalipse, milênio, mil anos

Resumo

O objetivo desse artigo é investigar a história da doutrina milenarista saciando a pergunta: como tal doutrina foi compreendida ao longo dos séculos pelos cristãos? A resposta deste questionamento guiará o leitor ao conhecimento das perspectivas escatológicas desde os primeiros séculos até a presente época pós-moderna. Para tanto, definem-se períodos na história como fervor escatológico (séculos iniciais), amornecimento da doutrina (séculos VI ao XV) e a ascensão escatológica até os dias atuais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ângelo Vieira da Silva

Mestre em Ciências da Religião (Me.P) pela Faculdade Unida de Vitória.

Bacharel em Teologia (Bel.) pela Universidade Presbiteriana Mackenzie/SP e Bacharel em Teologia (intracorpus) pelo Seminário Teológico Presbiteriano Rev. Denoel Nicodemos Eller/MG.

Pesquisador na área de Apocalíptica, Pseudo-epígrafos (Enoque etíope), Escatologia (Milenarismo) e Angelologia.

Referências

A confissão de Augsburgo. Disponível em: <https://bit.ly/3cQV1vP>. Acesso em: 30 set. 2020.

AGOSTINHO. A Cidade de Deus: contra os pagãos, parte II. 3. ed. Petrópolis: Vozes, 1999.

AGOSTINHO. A Cidade de Deus: parte I. 5. ed. Petrópolis: Vozes, 2000.

ALLISON, H. B. A Doutrina das Últimas Coisas: estudos esboçados sobre a profecia bíblica. São Paulo: Imprensa Batista Regular, 1971.

ALMEIDA, J. F. Bíblia Sagrada. 2. Ed. São Paulo: Sociedade Bíblica do Brasil & Cultura Cristã, 1999.

ARISTIDES. Apologia de Aristides. Disponível em: <<https://bit.ly/2A5G9Lm> Acesso em: 10 de novembro de 2009.

ATENÁGORAS. Petição a favor dos cristãos. Disponível em: <<https://bit.ly/2ATCuku> Acesso em 11 de novembro de 2009.

BARCLAY, W. Apocalipsis I. Barcelona: Clie, 1999

BAVINCK, H. Teologia sistemática. São Paulo: SOCEP, 2001.

BERKHOF, L. Teologia sistemática. 2. ed. São Paulo: Cultura Cristã, 2001.

BRÈS, G. A confissão belga. 1561.

BULLINGER, H. Segunda confissão helvética. 1566.

BUTTRICK, G. A. The interpreter’s Bible. Nashville: Abingdon, 1957.

CALVINO, J. As institutas ou tratado da religião cristã. v. III. 2. ed. São Paulo: Casa Editora Presbiteriana, 1985.

CESAREIA, E. História eclesiástica. São Paulo: Novo Século, 2002

CHAFER, L. S. Teologia sistemática: v. 3, 4, 7, 8. São Paulo: Hagnos, 2003.

CHAMPLIN, R. N. O Novo Testamento interpretado versículo por versículo: v. I. 10. ed. São Paulo: Hagnos, 2011.

CLEMENTE. Primeira Carta de Clemente. Disponível em: <https://bit.ly/2Tz53di> Acesso em: 30 set. 2020.

CLEMENTE. Segunda Carta de Clemente. Disponível em: <https://bit.ly/2LT76VB> Acesso em: 30 set. 2020.

CLOUSE, Robert G. Milênio: significado e interpretações. Campinas: LPC, 1990.

CONCEIÇÃO, E. Escatologia: uma análise introdutória. Disponível em: <https://bit.ly/2LTjEvU>. Acesso em: 30 set. 2020.

Epístola de Barnabé. Disponível em: < https://bit.ly/2XvqHR8>. Acesso em: 30 set. 2020.

ERDMAN, C. R. Atos dos Apóstolos. São Paulo, SP: CEP, 1960.

ERDMAN, C. R. Apocalipse. São Paulo: Casa Editora Presbiteriana, 1960.

ERICKSON, M. J. Opções contemporâneas na escatologia: um estudo do milênio. São Paulo: Vida Nova, 1982.

FILHO, T. G. L. Origem e desenvolvimento da religião. Rio de Janeiro: Juerp, 1993.

GONZALES, J. L. Uma história do pensamento cristão: da reforma protestante ao século XX, v. 3. São Paulo: Cultura Cristã, 2004.

GONZALES, J. L. . Uma história do pensamento cristão: de Agostinho às vésperas da reforma, v. 2. São Paulo: Cultura Cristã, 2004.

GONZALES, J. L. . Uma história do pensamento cristão: do Início até o concílio de Calcedônia, v. 1. São Paulo: Cultura Cristã, 2004.

GONZALES, J. L.. Uma história ilustrada do cristianismo: a era dos mártires, v. 1. São Paulo: Vida Nova, 2002.

GONZALES, J. L. . Uma história ilustrada do cristianismo: a era dos gigantes, v. 2. São Paulo: Vida Nova, 1997.

GONZALES, J. L. . Uma história ilustrada do cristianismo: a era das trevas, v. 3. São Paulo: Vida Nova, 1998.

GONZALES, J. L. . Uma história ilustrada do cristianismo: a era dos sonhos frustrados, v. 4. São Paulo, SP: Vida Nova, 1999.

GONZALES, J. L. . Uma história ilustrada do cristianismo: a era dos reformadores, v. 5. São Paulo, SP: Vida Nova, 2003.

GONZALES, J. L. . Uma história ilustrada do cristianismo: a era dos dogmas e das dúvidas, v. 6. 2. ed. São Paulo: Vida Nova, 1993.

GONZALES, J. L. . Uma história ilustrada do cristianismo: a era dos novos horizontes, v. 9. São Paulo: Vida Nova, 2003.

GRIER, W. J. O maior acontecimento de todos os tempos. 2. ed. São Paulo: Luz para o Caminho, 1987.

GRUDEM, W. Teologia sistemática: atual e exaustiva. São Paulo: Vida Nova, 1999.

HALE, B. D. Introdução ao estudo do Novo Testamento. São Paulo: Hagnos, 2001.

HALL, C. A. Lendo as Escrituras com os pais da igreja. Viçosa: Ultimato, 2000.

HENDRIKSEN, W. A Vida futura segundo a Bíblia. São Paulo: Casa Editora Presbiteriana, 1988.

HENDRIKSEN, W. Mais que vencedores. São Paulo: Cultura Cristã, 2001.

HODGE, C. Teologia sistemática. São Paulo: Hagnos, 2001.HOEKEMA, A. A Bíblia e o Futuro: a Doutrina Bíblica das Últimas Coisas. 2. ed. São Paulo: Cultura Cristã, 2001.

JENSEN, I. L. Apocalipse. 2. ed. São Paulo: Mundo Cristão, 1987.

JUSTINO. Apologia I. Disponível em: <https://bit.ly/36xGAdJ>. Acesso em: 30 set. 2020.

KISTEMAKER, S. Comentário do Novo Testamento: Apocalipse. São Paulo: Cultura Cristã, 2004.

LADD, G. E. Apocalipse. 7. ed. São Paulo: Vida Nova, 1999.

MOLTMANN, J. Teologia da esperança: estudos sobre os fundamentos e as consequências de uma escatologia Cristã. São Paulo: Teológica, 2003.

NICHOLS, R. H. História da Igreja Cristã. São Paulo: CEP, 1954.

O Didaquê. Disponível em: <https://bit.ly/3cZPKSN>. Acesso em: 30 set. 2020.

ORÍGENES. Contra Celso. 2. ed. São Paulo: Paulus, 2004.

ORÍGENES. De Principiis prólogo e livro IV. Disponível em: <https://bit.ly/2LXnWm9>. Acesso em: 30 set. 2020.

PADOVESE, L. Introdução à teologia patrística. São Paulo: Loyola, 1999.

PENTECOST, J. D. Manual de escatologia: uma análise detalhada dos eventos futuros. São Paulo: Vida Nova, 2002.

POHL, A. Apocalipse de João II: comentário esperança. Curitiba: Esperança, 2001.

POLICARPO. Epístola aos filipenses. Disponível em: <https://bit.ly/3gjGtqI> Acesso em: 30 set. 2020.

ROLDÁN, A. F. Do terror à esperança: paradigmas para uma escatologia integral. Londrina: Descoberta, 2001.

SALVADOR, J. G. O Didaquê. São Paulo: Imprensa Metodista, 1980.

SCHALY, H. Breve História da Escatologia Cristã: a escatologia antenicena, a escatologia pós-nicena, a escatologia da reforma, o pré-milenismo histórico, o pré-milenismo dispensacionalista, o pós-milenismo, os sinais dos sempos; 2. ed. Rio de Janeiro: JUERP, 1992.

SEISS, J. A. The Apocalypse: Ledtures on the book of Revelation. 6. ed. Michigan: Zondervan Publishing House, 1966.

SPROUL, R. C. Os Últimos Dias Segundo Jesus. São Paulo: Cultura Cristã, 2002.

STRONG, A. H. Teologia sistemática. v. 2. São Paulo: Hagnos, 2003.

TACIANO. Discurso Contra os Gregos. Disponível em: <https://bit.ly/3glhKlE>. Acesso em: 30 set. 2020.

TERTULIANO. Apologia. Disponível em: <https://bit.ly/2WZkvSo>. Acesso em: 30 set. 2020.

TRAVIS, S. Creio na segunda vinda de Jesus. Campinas: LPC, 1990.

WILCOOK, M. A Mensagem de Apocalipse. São Paulo: ABU, 1986.

Downloads

Publicado

2020-10-01

Como Citar

DA SILVA, Ângelo V. APOCALIPSE 20: UMA BREVE HISTÓRIA DA DOUTRINA MILENARISTA. Kerygma, Engenheiro coelho (SP), v. 15, n. 1, p. 6–23, 2020. DOI: 10.19141/1809-2454.kerygma.v15.n1.p6-23. Disponível em: https://revistas.unasp.edu.br/kerygma/article/view/1222. Acesso em: 27 jan. 2023.

Edição

Seção

Artigos