Uma análise de joão 17:3 sob a perspectiva histórica e bíblica de Jesus como Deus
PDF

Palavras-chave

Jesus
Cristo
Divindade
Evangelho de João
Arianismo
Gnosticismo.

Como Citar

Longo, C. (2008). Uma análise de joão 17:3 sob a perspectiva histórica e bíblica de Jesus como Deus. Kerygma, 4(1), 53. Recuperado de https://revistas.unasp.edu.br/kerygma/article/view/240

Resumo

O presente trabalho tem por objetivo chamar atenção de estudiosos, pastores, alunos e membros de igreja para a importância da análise da divindade de Jesus Cristo como Deus igual ao Pai, tanto no livro de João como na Cristologia em todo o Novo Testamento. Esta análise é fruto de uma crescente necessidade de estudos analíticos acerca da subordinação funcional de Cristo e sua importância no contexto da vida cristã. As definições apresentadas estão baseadas nos estudos da história da igreja cristã primitiva, no pensamento dos pais da igreja e suas pressuposições a cerca da Divindade de Cristo.

PDF

Referências

ALAND, K. The New Greek New Testament., Stuttgart: Deutsche Bilelgesellschaft, 1998.

ANDERS, Max., Defesa da fé, São Paulo/SP: Vida, 2001.

BROWN, Colin e COENEN, Lothar., Dicionário Internacional de Teologia do Novo Testamento, São Paulo/ SP: Vida Nova, 2000.

BROWN, Raymond E., The Gospel Acoording To John, New York/ NY: The Archor Bible, Vol. 29, 1970.

BRUCE, F. F., Serie cultura Bíblica, comentário de João, São Paulo/SP: Vida Nova, 1999.

CAIRNS,Earle E., O cristianismo através dos séculos, São Paulo/SP: Vida Nova, 2007.

CHAMPLIN, Russel Norman., O Novo Testamento Interpretado, São Paulo/SP: Hagnos, 2002, Vol. 2.

DODD, Charles H., A Interpretação do Quarto evangelho, São Paulo/SP: Hagnos, 2003.

EARLE, Ralph., The Wesleyan Bible Commentary, Grand Rapids/ Michigan: Willian B. EErd,mans Publishing Company. 1964, Vol. 4.

ERICKSON, Millard J., Cristian Theology, Grand Rapids/ Michigan: Baker Book House, 1991.

FINNEY, Charles., Teologia Sistemática, Rio de Janeiro/RJ: Casa Publicadora Assembléia Deus, 2001.

GRUDEM, Wayne., Manual de Teologia Sistemática, São Paulo/SP: Vida, 1999.

HARRYS, Ralph W., The Complete Biblical library, Springfild/ Missori: Thoralf Gilbrant, 1988, Vol. 5.

HENDRIKSEN, Willian., New Testament Commentary John, Grand Rapids/ Michigan: Baker Book House, 2004.

HODGE, Charles., Teologia Sistemática, São Paulo/SP: Hagnos, 2001.

HOVEY, Alvah., Comentário sobre El Evangelio de Juan, Texas/EUA: Casa Bautista de Publicaciones,1995.

HUBBARD, David A. BARKER., Glenn W. Word Biblical Commentary John,

Waco/Texas: Word Books, Publisher, 1987 vol. 36.

JEREMIAS, Joachim., A Mensagem Central do Novo Testamento, Santo André/SP: Academia Cristã, 2005.

JEREMIAS, Joachim., Teologia do Novo Testamento, Santo André/SP: Academia Cristã, 2004.

LADD, George Eldon., Teologia do Novo Testamento, Sao Paulo/SP: Hagnos, 2003.

MAYFIELD, Joseph H., Beacon Bible Commentary,. Kansas/ Missori: Beacon Hill Press,1965 Vol. 7.

MICHELS, Ramsey J., Novo Comentario Bíblico Contemporâneo de João, São Paulo/ SP: Editora Vida, 1994.

MORRIS, Leon., Expository reflections on the Gospel of John, Grand

Rapids/Michigan: Baker Book House, 1991.

NICHOl, Francis D., Comentário Bíblico Adventista Del Septimo Dia, Boise/ EUA: Pacific Press Publishing Association, 1987, Vol 5.

OLSON, Roger., História da teologia Cristã, São Paulo/SP: Vida, 2001.

OSCAR, Cullman., Cristologia do Novo Testamento, São Paulo/SP: Editora Líber, 2001.

PAROSCHI, Wilson., Incarnation and Covenant in the Prologue to the Gospel (John 1:1-8) A dissertation for the degree of Ph.D Andrews University. 2003

REIS, Emilson dos., Introdução geral a bíblia, Engenheiro Coelho/SP: UNASPRESS, 2001.

RYLE, J.C., Comentario Expositivo do Evangelho Segundo João, São Paulo/SP: Imprensa Metodista, 1957.

RODOR, Amim Americo e TIMM, Alberto Ronald., Parousia - A trindade nas escrituras, Engenheiro Coelho/SP: Unaspress, 2º semestre de 2005.

SCHIPPER, Liana Pérola., Depois de Jesus, o triunfo do Cristianismo, Rio de Janeiro/RJ: Reader’s Digest Brasil Ltda, 1999.

SHREINER, J.e DAUTZENBERG G., Forma e Exigências do Novo Testamento, São Paulo/SP: Editora Teológica, 2004.

STOTT, John., A Cruz de Cristo, São Paulo/SP: Editora Vida, 2004.

STROBEL, Lee., Em Defesa da fé, São Paulo/SP: Vida, 2002.

STROBEL, Lee., Em Defesa de Cristo, São Paulo/SP: Vida, 2001.

STRONG, Augustus Hopkins., Teologia sistemática, São Paulo/SP: Hagnos, 2002, Vol. 1.

STRONG, Augustus Hopkins., Teologia sistemática, São Paulo/SP: agnos, 2003.

TASKER, R.V.C., Tyndale, New Testament Commentaries John, Grand Rapids/ Michigan: EErdmans Publishing Company, 1995.

TAYLOR, Willian Carey., Evangelho Segundo João, Rio de Janeiro/RJ: Casa Publicadora Batista, 1959.

TORRE DE VIGIA,. Adore o único Deus verdadeiro, Cesário lage/SP: Associação torre de vigia, 2002.

TORRE DE VIGIA,.Conhecimento que conduz a vida eterna, Cesário lage/SP: Associação torre de vigia, 1995.

VELOSO, Mario., Comentário do Evangelho de João, Santo André/Sp: Casa Publicadora Brasileira,1984.

WHIDDEN, MOON e REEVE., A Trindade, Tatui/ SP: Casa Publicadora Brasileira, 2003.

WHITE, Ellen G., O Desejado de Todas as Nações, Tatuí/SP: Casa Publicadora Brasileira, 1996.

WHITE, Ellen G., O Grande Conflito, Tatuí/SP: Casa Publicadora Brasileira, 1996. Zondervan Publishing House, 1981. Vol. 9.

Declaro (amos) que a revista Kerygma está autorizada a publicar e alterar o texto inédito e original de minha (nossa) autoria, submetido para avaliação deste periódico, a fim de "maximizar a disseminação da informação". Concordo (amos) em compartilhar os direitos autorais a ele referentes com a Unaspress e com o Unasp, sendo que seu “conteúdo, ou parte dele, pode ser copiado, distribuído, editado, remixado e utilizado para criar outros trabalhos, sempre dentro dos limites da legislação de direito de autor e de direitos conexos”. 

Reconheço (Reconhecemos) ainda que Kerygma está licenciada sob uma LICENÇA CREATIVE COMMONS - ATTRIBUTION 4.0 INTERNATIONAL (CC BY 4.0) e que esta obra também estará licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional, caso seja aceita e publicada.

Dito isto, PERMITO (PERMITIMOS) que as instituições citadas acima remixem, adaptem, criem e distribuam, a partir deste trabalho, mesmo que para fins comerciais, desde que atribuam o devido crédito ao (s) autor (es) pela criação original.

Downloads

Não há dados estatísticos.