BEBIDAS VEGETAIS ALTERNATIVAS AO LEITE
pdf

Palavras-chave

bebida vegetal
bebida de planta
leite de vaca integral
valor nutricional

Como Citar

Dias Cirilo, G., Rocha Olivieri, C., & Teixeira Martins, M. (2020). BEBIDAS VEGETAIS ALTERNATIVAS AO LEITE. Life Style, 7(1), 15-25. https://doi.org/10.19141/2237-3756.lifestyle.v7.n1.p15-25

Resumo

No mercado atual é crescente a oferta de bebidas vegetais como produtos alternativos ao leite. Considerando o papel cultural e o valor nutricional do leite na alimentação humana, este trabalho teve por objetivo identificar as bebidas vegetais à base de cereais, oleaginosas e leguminosas (BVCOL), industrializadas, disponíveis no mercado de São Paulo, SP, e comparar sua composição nutricional com a dos leites de vaca integral pasteurizado e UHT (Ultra High Temperature). Encontrou-se um total de 49 BVCOLs, sendo 19 bebidas vegetais à base de oleaginosas, 14 bebidas vegetais à base de cereais, 10 bebidas mix e 6 bebidas vegetais à base de leguminosas. Dentre as BVCOLs, aquelas à base de leguminosas, principalmente a soja, com adequado teor proteico e geralmente enriquecidas com cálcio, vitamina D e vitamina B12, podem ser consideradas substitutas nutricionais dos leites de vaca integrais pasteurizados e UHT. As demais BVCOLs, para serem substitutas nutricionais fidedignas dos referidos leites, necessitarão de fortificação com cálcio, vitaminas D e B12, além de adequação no teor proteico.

https://doi.org/10.19141/2237-3756.lifestyle.v7.n1.p15-25
pdf

Referências

ABOULFAZLI, F.; BABA, A. S.; MISRAN, M. Effect of Vegetable Milks on the Physical and Rheological Properties of Ice Cream. Food Science and Technology Research, v. 20, n. 5, p. 987-996, jun. 2014.

AQUINO, R. C.; PATERNEZ, A. C. C.; FORNASARI, M. L. L. Recomendações Nutricionais Para o Planejamento Dietético. In: PHILIPPI, S. T.; AQUINO, R. C. Dietética: Princípios para o planejamento de uma alimentação saudável. 1. ed. Barueri: Manole, 2015.

BELEWU, M. A.; BELEWU, K. Y. Comparative Physico-Chemical Evaluation of Tiger-nut, Soybean and Coconut Milk Sources. International Journal of Agriculture & Biology, v. 9, n. 5, p. 785-787, 2007.

BISLA, G.; ARCHANA; VERMA, P.; SHARMA, S. Development of ice creams from Soybean milk & Watermelon seeds milk and Evaluation of their acceptability and Nourishing potential. Pelagia Research Library: Advances in Applied Science Research, v. 3, n. 1, p. 371-376, 2012.

BORTOLI, M. C.; MORAIS, C. C.; COMINETTI, C.; COZZOLINO, S. M. F. Grupo dos Feijões e Oleaginosas. In: PHILIPPY, S.T. (Org.). Pirâmide dos Alimentos: Fundamentos Básicos da Nutrição. 3 ed. Barueri: Manole, 2018.

BRASIL. Ministério da Saúde. Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). Regulamento técnico de porções de alimentos embalados para fins de rotulagem nutricional Resolução. Resolução da Diretoria Colegiada - RDC N° 359, de 23 de dezembro de 2003. Brasília, DF, 2003a. Disponível em: <https://bit.ly/33AtahC>. Acesso em: 11 nov. 2018.

BRASIL. Ministério da Saúde. Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). Regulamento técnico sobre rotulagem nutricional de alimentos embalados. Resolução da Diretoria Colegiada – RDC N° 360, de 23 de dezembro de 2003. Brasília, DF, 2003b. Disponível em: <https://bit.ly/2XGky5s>. Acesso em: 13 fev. 2020.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Coordenação da Política de Alimentação e Nutrição. Guia alimentar para a população brasileira: Promovendo a alimentação saudável. Brasília, DF, 2005a. 236 p. (Série A. Normas e Manuais Técnicos).

BRASIL. Ministério da Saúde. Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). Regulamento técnico sobre a ingestão diária recomendada (IDR) de proteína, vitaminas e minerais. Resolução de Diretoria Colegiada – RDC Nº 269, de 22 setembro de 2005. Brasília, DF, 2005b. Disponível em: <https://bit.ly/2Du5gK3>. Acesso em: 02 ago. 2018.

BRASIL. Ministério da Saúde. Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). Regulamento Técnico sobre Informação Nutricional Complementar. Resolução da Diretoria Colegiada – RDC Nº 54, de 12 novembro de 2012. Brasília, DF, 2012. Disponível em: <https://bit.ly/3fAo33l>. Acesso em: 02 ago. 2018.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Guia alimentar para a população brasileira – 2. ed. Brasília, DF, 2014. 156 p. (Série A. Normas e Manuais Técnicos).

BRASIL. Decreto nº 9.013, de 29 de março de 2017. Regulamenta a Lei nº 1.283, de 18 de dezembro de 1950, e a Lei nº 7.889, de 23 de novembro de 1989, que dispõem sobre a inspeção industrial e sanitária de produtos de origem animal. Diário Oficial da União, Brasília, 30 mar. 2017. Seção 1, p. 3.

DUNKER, K. L. L.; ALVARENGA, M. S.; MORIEL, P.; LOPES, M. A. P. Grupo do Leite, Queijo e Iogurte. In: PHILIPPY, S.T. (Org.) Pirâmide dos Alimentos: Fundamentos Básicos da Nutrição. 3 ed. Barueri: Manole, 2018.

EGASHIRA, E. M. et. al. Grupo do Arroz, Pão, Massa, Batata, Mandioca. In: PHILIPPY, S.T (Org.) Pirâmide dos Alimentos: Fundamentos Básicos da Nutrição. 3 ed. Barueri: Manole, 2018.

FELLOWS, P. J. Tecnologia do Processamento de Alimentos: Princípios e Prática. 2 ed. Porto Alegre: Artmed, 2006.

GANDHI, N. R.; HACKBARTH, H. R.; CHEN, M. Soy milk compositions and methods of preparation. United States Patent. USA, Patent No.: US 6,322,846 B1, nov. 2001.

HEANEY, R. P; DOWELL, M. S.; RAFFERTY, K.; BIERMAN, J. Bioavailability of The Calcium in Fortified Soy Imitation Milk, With Some Observations On Method. The American Journal for Clinical Nutrition, v. 71, n. 1, p. 1166 – 1169, 2000.

IBGE- Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Pesquisa de Orçamentos Familiares 2008-2009: Tabelas de Composição Nutricional dos Alimentos Consumidos no Brasil. Rio de Janeiro, 2011.

Institute of Medicine (IOM). Dietary Reference Intakes for Calcium and Vitamin D. Washington: The National Academy Press; 2002/2005.

MANGELS, R.; MESSINA, V.; MESSINA, M. Calcium and Bones. In: The Dietitian’s Guide to Vegetarian Diets: Issues and Applications. 3 ed. United States of America: Jones & Bartlett Learning, 2011.

MARTINS, M. C. T.; CARNEIRO, M. M.; PIMENTEL, C. V. M. B. Planejamento dietético para o vegetariano. In.: PHILIPPI, S.T.; AQUINO, R.C. (Orgs.) Dietética: Princípios para o planejamento de uma alimentação saudável. Barueri, SP: Manole, 2015.

MELINA, V.; CRAIG, W.; LEVIN, S. Position of the Academy of Nutrition and Dietetics: Vegetarian Diets. Journal of the Academy of Nutrition and Dietetics, Washington, v. 116, n. 12, p. 1970-1980, dez. 2016.

MELINA, V.; DAVIS, B.; HARRISON, V. Sem Laticínios. In: A Dieta Saudável dos Vegetais. Rio de Janeiro: Editora Campus, 1998.

MILKPOINT. Mercado de bebidas vegetais cresce dois dígitos no Brasil. 2018. Disponível em: <https://bit.ly/2PxqeKo>. Acesso em: 13 fev. 2020.

OLIVEIRA, A. R. V.; PIRES, T. O.; NASCIMENTO, L. P. C.; GONÇALVES, J. E. M.; NOGUEIRA, A. T. B.; ROLIM, L. B. F. Alergia alimentar: prevalência através de estudos epidemiológicos. Revista de Ciências da Saúde Nova Esperança, v. 16, n. 1, p. 7-15, 2018.

PHILIPPI, S. T.; LATTERZA, A. R.; CRUZ, A. T. R.; RIBEIRO, L. C. Pirâmide Alimentar Adaptada: Guia Para Escolha dos Alimentos. Revista Nutrição, Campinas, v. 12, n. 1, p. 65-80, jan/abr. 1999.

SILVA, C. D.; SILVA, D. M; VERSIANI, T. A. A.; SOUZA, S. A. Realização de testes de aceitabilidade e intenção de compra de diferentes leites vegetais de marcas comerciais. Revista Eletrônica Acervo Saúde Brasil, v. 10, n. 2, p. 1522 – 1528, jan. 2018

SLIWITCH, E. Alimentação sem Carne. 2 ed. São Paulo: Alaúde, 2015. 287p.

SOCIEDADE VEGETARIANA BRASILEIRA. Pesquisa do IBOPE aponta crescimento histórico no número de vegetarianos no Brasil. Maio. 2018. Disponível em: <https://bit.ly/33BkOpS>. Acesso em: 15 ago. 2018.

Tabela Brasileira de Composição de Alimentos (TBCA). Universidade de São Paulo (USP). Food Research Center (FoRC). Versão 6.0. São Paulo, 2017. Disponível em: <https://bit.ly/3a5NnNn>. Acesso em: 15 nov. 2018.

WANGCHAROEN, W. Development of Ginger-flavoured Soya Milk Ice Cream: Comparison of Data Analysis Methods. Maejo International Journal of Science and Technology, v. 6, n. 3, p. 505 – 513, dez. 2012.

WEAVER, C. M. Calcium requirements of physically active people. American Society for Clinical Nutrition, v. 72, p. 579 – 584, 2000.

ZYCHAR, B. C.; OLIVEIRA, B. A. Fatores desencadeadores da intolerância à lactose: metabolismo enzimático, diagnóstico e tratamento. Atas de Ciências da Saúde, São Paulo, v. 5, n. 1, p. 35-46, 2017.

Copyright (c) 2020 Life Style

Downloads

Não há dados estatísticos.